Avançar para o conteúdo principal

Ídolos 2012

Este ano os ídolos estão fraquinhos. Não digo só os concorrentes, que mal ou bem lá ficaram os melhores para o fim, digo também os próprios apresentadores. A Cláudia parece que desaprendeu o pouco que sabia, nunca achei que ela fosse boa apresentadora e muito menos actriz, mas nisto das apresentações lá se ia safando. Vai-se a ver e ela tem piorado de gala para gala, engana-se muito, está sempre nervosa e por mais que tente não disfarça lá muito bem. O João coitado lá vai tentando fazer as palhaçadas do costume, não deixa de ser bom apresentador/comunicador, mas acho que já teve melhores dias. E as audiências assim o dizem.
Os concorrentes não posso dizer que são maus porque não são. Mas este ano não vimos nenhum que fosse absolutamente melhor do que os outros, são todos mais ou menos equivalentes. E quando um falha à partida é esse que sai.
Ficaram os finalistas André, Diogo e Mariana. O André canta muito bem, mas concordo com as críticas que o Toni lhe faz em relação à falta de expressividade que ele tem. O Diogo é um querido a cantar mas tem uma voz pequena, eles dizem e eu concordo. E a Mariana...ela canta muito e muito bem! Para mim ela deveria ser a vencedora, mas estando lá dois rapazes e a maioria dos votos sendo do público feminino acho que a sorte vai ficar para o André. Isso ou porque ele é amigo do filho do Manuel Moura dos Santos, mas vamos pensar que isso não tem nada a ver :)


Comentários

  1. Apesar de não seguir esta edição do programa como segui outras(Nem sempre consigo ver Tv ao domingo, e este leque de concorrentes também não me fez agarrar a esta edição), concordo com quase tudo o que dizes.
    Quanto à Cláudia, eu gosto imenso dela, mas admito que enquanto actriz principalmente, tem ainda muito que crescer.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Mas até tenho pena que ela não esteja bem, porque bonita ela é só que isso não chega.

      Eliminar

Enviar um comentário

Mensagens populares deste blogue

Clínica Privada (última temporada) :-(

Então não é que a temporada 6 da Clínica Privada que começou este mês é a última temporada?!  Fiquei triste porque esta é uma das séries que vejo religiosamente desde o primeiro episódio que deu em conjunto com a Anatomia de Grey, e agora vai acabar :( A Kate Walsh, que faz a personagem principal Dra. Addison Montgomery, anunciou a sua saída da série no final desta temporada e então a criadora Shonda Rhimes não teve outra hipótese a não ser "acabar" com a série pois sem a personagem principal esta não fazia sentido e já tinham atingido o ponto alto de criatividade neste trabalho. Não foi bem isto que ela disse mas foi isto que eu percebi e concordo porque de facto já não ia ser a mesma coisa, para mim "Clínica Privada" é sinónimo de "Dra. Addison Montgomery".

Mas, por outras razões, a Shonda Rhimes tem sido alvo de duras críticas por decidir "matar" algumas personagens pelo facto de os actores quererem abandonar as séries, segundo os críticos exist…

Clínica Privada - Final

No seguimento deste post estou agora em condições de falar sobre o final da série Clínica Privada uma das minhas séries de eleição nos últimos tempos. E a qual fiquei muito desgostosa ao saber que esta ia ser a última temporada.
Mas tenho a dizer que Adorei esta temporada, deu o merecido destaque a cada personagem, fazendo até uma espécie de homenagem a cada um. No geral gostei do final de todas com excepção da personagem Sam Bennett, porque acho que não fez sentido aquele voltar ao passado quando no presente ele tinha tido uma segunda oportunidade com uma personagem que merecia um final feliz apesar de ter aparecido pouco na série (tentei não revelar muito para quem ainda não viu e quer surpreender-se :) )mas não foi isso que aconteceu e deixou-me um bocado chateada. Mas fora isso gostei mesmo muito do desenrolar da história, continuei a adorar a personagem Jake Reilly e a gostar cada vez mais da Charlotte King (grande actriz). E claro a sempre espectacular Addison que continuo a acredi…

Frase Linda!!

Adoro esta frase:

Mamã já tiveste um sonho? Já. E agora? Agora ele está ao meu lado a fazer-me perguntas.