quarta-feira, 29 de outubro de 2014

A culpa é das estrelas...

Ora bem tenho andado ausente mas não podia deixar de comentar um filme que mexeu comigo, que gostei muito e que apesar de toda a tristeza é um filme lindo.
A culpa é das estrelas, um filme sobre a doença, aquela que atinge com uma força brutal toda a família e todos os que contactam com ela. Mas também um filme sobre amor, um amor que apesar de tudo surge naturalmente, surge bonito e perfeito.
É a história de um amor assim, que apesar da tristeza e das adversidades surge porque tem de surgir, porque faz sentido. E como as personagens o dizem...é um privilégio amar assim.  
Por vezes quando reclamamos dos nossos problemas, que por serem nossos são enormes, acho que nos esquecemos por momentos a sorte que temos. Digo isto em nome próprio, sei que me esqueço disso cada vez que me sinto perdida em algum problema que me surge, em algum momento da vida mais difícil. Depois existem estes filmes (que antes de ser filme há o livro - acho que vou ler porque deve ser absolutamente intenso) que nos dão um toque de realidade, um despertar para o que realmente muda vidas e obriga a uma força superior vinda de onde não se sabe...
Aconselho a verem. É triste, profundo, mas no fundo e mais importante de tudo, é verdadeiramente uma história de amor.

 

Sem comentários:

Enviar um comentário