quarta-feira, 13 de novembro de 2013

Da Casa dos Segredos

 Eu faço parte das pessoas que são sinceras quando dizem que não vêm o programa mas, ao contrário de muitas, eu admito que tenho pena de não ver. Este ano, apesar de não ver muito, foi o ano em que mais acompanhei a casa dos segredos e tenho pena de não ver e por isso perder certos momentos hilariantes.
Mas do que ainda vou conseguindo ver acho o seguinte:

- A Débora tem a mania que é muito boa e que ninguém lhe chega aos pés...acho que devia ser mais modesta porque há coisas que a beleza não tapa nem esconde;

- Acho que só a Bernardina é que não percebe que o Tiago só está a gozar com ela, não acredito que ele goste dela como diz...uma pessoa que no início arrasta todas as asas para outra pessoa da casa não muda assim de alvo. Não acredito;

- O Lourenço desiludiu-me muito, parecia super atinado, boa pessoa, calmo...mas veio a revelar algo diferente. Fiquei sem saber se ele é mesmo assim ou se foi um jogo estranho que decidiu fazer. Também tenho dificuldades em acreditar que ele goste da Maria Joana, mas não ponho as mãos no fogo;

- A Joana é, sem dúvida, a pessoa mais normal da casa, é divertida, simpática, anda sempre na palhaçada mas tem sempre aquela palavra amiga e quase sempre certa a dizer. Não sei se ela gosta ou não do Luís, mas há ali uma quimica muito interessante;

- A Diana é muito apagada, não transmite nada sobre a pessoa que é, só está lá por ter uma "relação" com o João (que também não parece avançar) e um conflito com a Érica;

- A Érica é uma super atriz. Acho que ela tem futuro nas lides das novelas se for da sua vontade. A voz diz chora e ela vai e chora impecavelmente. A voz diz confirma que estás grávida e ela vai e mente como ninguém. Agora se ela é boa pessoa ou não fica difícil de saber...anda ali muito teatro e pouca sinceridade;

- A Sofia já devia ter saído. Não só por ter ameaçado tantas vezes que saía mas porque não se percebe o que anda lá a fazer. 


Sem comentários:

Enviar um comentário