Avançar para o conteúdo principal

Da Casa dos Segredos

 Eu faço parte das pessoas que são sinceras quando dizem que não vêm o programa mas, ao contrário de muitas, eu admito que tenho pena de não ver. Este ano, apesar de não ver muito, foi o ano em que mais acompanhei a casa dos segredos e tenho pena de não ver e por isso perder certos momentos hilariantes.
Mas do que ainda vou conseguindo ver acho o seguinte:

- A Débora tem a mania que é muito boa e que ninguém lhe chega aos pés...acho que devia ser mais modesta porque há coisas que a beleza não tapa nem esconde;

- Acho que só a Bernardina é que não percebe que o Tiago só está a gozar com ela, não acredito que ele goste dela como diz...uma pessoa que no início arrasta todas as asas para outra pessoa da casa não muda assim de alvo. Não acredito;

- O Lourenço desiludiu-me muito, parecia super atinado, boa pessoa, calmo...mas veio a revelar algo diferente. Fiquei sem saber se ele é mesmo assim ou se foi um jogo estranho que decidiu fazer. Também tenho dificuldades em acreditar que ele goste da Maria Joana, mas não ponho as mãos no fogo;

- A Joana é, sem dúvida, a pessoa mais normal da casa, é divertida, simpática, anda sempre na palhaçada mas tem sempre aquela palavra amiga e quase sempre certa a dizer. Não sei se ela gosta ou não do Luís, mas há ali uma quimica muito interessante;

- A Diana é muito apagada, não transmite nada sobre a pessoa que é, só está lá por ter uma "relação" com o João (que também não parece avançar) e um conflito com a Érica;

- A Érica é uma super atriz. Acho que ela tem futuro nas lides das novelas se for da sua vontade. A voz diz chora e ela vai e chora impecavelmente. A voz diz confirma que estás grávida e ela vai e mente como ninguém. Agora se ela é boa pessoa ou não fica difícil de saber...anda ali muito teatro e pouca sinceridade;

- A Sofia já devia ter saído. Não só por ter ameaçado tantas vezes que saía mas porque não se percebe o que anda lá a fazer. 


Comentários

Mensagens populares deste blogue

Clínica Privada (última temporada) :-(

Então não é que a temporada 6 da Clínica Privada que começou este mês é a última temporada?!  Fiquei triste porque esta é uma das séries que vejo religiosamente desde o primeiro episódio que deu em conjunto com a Anatomia de Grey, e agora vai acabar :( A Kate Walsh, que faz a personagem principal Dra. Addison Montgomery, anunciou a sua saída da série no final desta temporada e então a criadora Shonda Rhimes não teve outra hipótese a não ser "acabar" com a série pois sem a personagem principal esta não fazia sentido e já tinham atingido o ponto alto de criatividade neste trabalho. Não foi bem isto que ela disse mas foi isto que eu percebi e concordo porque de facto já não ia ser a mesma coisa, para mim "Clínica Privada" é sinónimo de "Dra. Addison Montgomery".

Mas, por outras razões, a Shonda Rhimes tem sido alvo de duras críticas por decidir "matar" algumas personagens pelo facto de os actores quererem abandonar as séries, segundo os críticos exist…

Clínica Privada - Final

No seguimento deste post estou agora em condições de falar sobre o final da série Clínica Privada uma das minhas séries de eleição nos últimos tempos. E a qual fiquei muito desgostosa ao saber que esta ia ser a última temporada.
Mas tenho a dizer que Adorei esta temporada, deu o merecido destaque a cada personagem, fazendo até uma espécie de homenagem a cada um. No geral gostei do final de todas com excepção da personagem Sam Bennett, porque acho que não fez sentido aquele voltar ao passado quando no presente ele tinha tido uma segunda oportunidade com uma personagem que merecia um final feliz apesar de ter aparecido pouco na série (tentei não revelar muito para quem ainda não viu e quer surpreender-se :) )mas não foi isso que aconteceu e deixou-me um bocado chateada. Mas fora isso gostei mesmo muito do desenrolar da história, continuei a adorar a personagem Jake Reilly e a gostar cada vez mais da Charlotte King (grande actriz). E claro a sempre espectacular Addison que continuo a acredi…

Frase Linda!!

Adoro esta frase:

Mamã já tiveste um sonho? Já. E agora? Agora ele está ao meu lado a fazer-me perguntas.